Seja Bem Vindo ao Nosso Site!!

  • (31) 3394-7760

    smfcabos@smfcabos.com.br
  • Rua Hibisco, 445

    Chácaras Boa Vista - Contagem-MG

CABO SHDM

Image

APLICAÇÃO

São utilizados para ligações com fonte externa de energia elétrica, onde condutores de aterramento são requeridos, em equipamentos móveis pesados de mineração, metalurgia, portos, dragas e outras atividades similares, bem como em instalações provisórias de concessionárias de energia elétrica ou de indústrias. Particularmente recomendados para alimentação de pórticos, guindastes, escavadeiras, perfuratrizes e outros equipamentos de mineração para os quais se exige flexibilidade e resistência mecânica. O composto à base de Policloroprene (PCP) padronizado para a capa interna e cobertura foi especialmente formulado para atender aos diversos requisitos de alta durabilidade aliados à extrema flexibilidade, com excelentes características de resistência à ruptura, ao corte, ao impacto e à abrasão. Possui também resistência às intempéries e ao ozona, além de ótima estabilidade térmica em altas ou baixas temperaturas. Para aplicações onde é requerida alta resistência à abrasão, recomenda-se a utilização de Poliuretano (TPU) como capa interna e cobertura.



CARACTERÍSTICAS CONSTRUTIVAS

1) Condutor de potência extra-flexível formado por fios de cobre eletrolítico estanhado, têmpera mole, encordoamento classe 5;
2) Blindagem do condutor de potência constituída por uma camada enfaixada de fita têxtil semicondutora;
3) Isolação do condutor de potência em composto termofixo, à base de borracha etileno-propileno (EPR);
4) Blindagem da isolação do condutor de potência constituída por uma camada enfaixada de fita têxtil semicondutora;
5) Blindagem metálica do condutor de potência constituída por trança de fios de cobre eletrolítico estanhado, têmpera mole;
6) Fios coloridos para identificação dos condutores de potência;
7) Condutor de aterramento extra-flexível formado por fios de cobre eletrolítico estanhado, têmpera mole, encordoamento classe 5;
8) Fita têxtil para amarração;.
9) Capa interna em composto termofixo à base de Policloroprene (PCP);
10) Trança de fios de nylon para reforço;
11) Cobertura em composto termofixo à base de Policloroprene (PCP), na cor preta.



TEMPERATURAS MÁXIMAS DO CONDUTOR.

Em regime contínuo: 90°C. Em regime de sobrecarga: 130°C (100 horas por ano e um total de 500 horas ao longo da vida do cabo). Em regime de curto-circuito: 250°C.



IDENTIFICAÇÃO

Por meio de veias numeradas ou coloridas.



ESPECIFICAÇÕES APLICÁVEIS

ABNT: NBR 9372.



Apresentação SMF

Faça o Download da Apresentaação da nossa Empresa.

Download PDF